Uma marca nos anos 50 e hoje

agosto 14, 2009 at 2:38 pm Deixe um comentário

No início da publicidade os esforços de comunicação focavam muitos mais na marca. Como por exemplo a frase “Coca-cola isso faz um bem” dito no comercial da Coca na década de 50. Vejam que não é explorado nada do produto em si, não dizem o que ele tem ou seu gosto. Isso por diversos fatores, um deles é a pouca opção de escolha que os clientes tinham na época. Se esse comercial fosse veiculado hoje, tenho certeza que muitos clientes iam achar bizarro!

Vamos acelerar o tempo em 59 anos. Atualmente as marcas estão mais competitivas, existem produtos concorrentes e substitutos em grande quantidade. Apenas falar que a marca existe não faz mais sentido. Até porque hoje, TODO mundo sabe que a Coca existe. Ela não precisa mais falar da marca. Vejam que a comunicação é muito mais emotiva, não há um argumento racional, apenas um sentimento. E isso é muito mais forte do que um aspecto racional. Quando você se liga ao consumidor através de um sentimento você atinge uma ressonância muito mais forte. Até porque o consumidor consegue comparar aspectos racionais facilmente para comparar marcas, quando falamos em um sentimento dai é outra história. E cá entre nós a marca fica muito mais forte quando oferecemos argumentos emocionais. Vejam:

E abaixo segue o vídeo da Coca nos EUA. Simplesmente fantástico!

E você achava que o Urso polar dando Coca para seu filhote não fazia sentido né?

Entry filed under: Comunicação, Marketing. Tags: , , , .

Qual o papel da estratégia? A revolução já começou…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Categorias


%d blogueiros gostam disto: